APELO

José Araujo de Souza

Olha, eu preciso de você

pois as minhas noites são frias e tristes

 como rosa caída, sem cor, sem perfume, sem vida.

Eu preciso de você

para habitar o meu mundo,

 caminhar comigo nos meus sonhos

e guiar os meus passos.

Para ser o ar que eu respiro e o amor que eu amo,

 se ainda me for permitido ter amor.

Eu preciso de você

para que eu possa tomar as suas mãos nas minhas

e caminhar, sem rumo, sentindo o vento

e o cantar dos pássaros trinando  hinos

que nunca  mais esqueceremos.

Para que eu possa sentir que amar faz sentido.

Olha, eu preciso de você

para viver o meu sonho mais lindo.

Mesmo estando distante do meu corpo

eu sinto o calor da sua presença

e me sinto calmo.

Mesmo distante dos seus olhos que adoro

quando me olham, carinhosos, eu ouço a sua voz

que me fala baixinho, assustada,

e não ouço mais nada, além de você.

Olha, eu preciso tanto de você,

que se eu fosse você,

não me deixaria

nunca mais,

sozinho.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s