PRIMEIRA CANÇÃO DA MANHÃ

José Araujo de Souza

Senhor,

deixa que os meus olhos se abram,

nesta manhã, sob a luz do sol

e que eu veja flores, verde de matas

e o amor de crianças.

Deixa que os meus pés me guiem para o bem

e que um sorriso persista em meus lábios,

por todo o dia.

Que eu faça sorrir o amigo que chora

e, se preciso, que o alimente e aqueça.

Deixa, Senhor, por um momento,

que eu sonhe estar Contigo.

Faça que minhas mãos nunca se fechem

neste dia de paz, negando auxílio.

Que eu seja só o que sou agora.

Que o orgulho, a maldade, a desobediência

não me faça ser bruto, desumano.

E que a noite, Senhor, eu não me deite

 sem rever claramente os meus enganos

e que eu prometa, a mim e ao Senhor,

não cometê-los mais, se amanhã

ainda estiver vivo.
Deixa, Meu Deus, que esta canção

seja o meu pão de vida e o alimento

que fará de mim um ser mais puro.

Que a minha mão não se levante nunca

para ferir o irmão que me atormente.

Que a verdade seja uma constante

em minha vida, e que eu não minta.

Deixa, Senhor Meu Pai e Rei do Mundo,

que eu seja útil ao meu próximo

e que o ajude a ser bom e feliz e justo,

que o conforte e, se chegado a hora

da minha despedida, eu seja forte.

Para que eu possa merecer o céu, Senhor,

permita que eu seja bom e nunca

de Ti desista.

https://go.hotmart.com/P44983709K

https://go.hotmart.com/P44983709K?dp=1

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s