CANÇÃO DE TEUS POEMAS

Salomão Rovedo

 Estes poemas são teus

 porque – bem vês – são o espelho

que te reflete inteira:

cabelos, olhos, boca, sopro, pés.

Porque são teus estes poemas,

são a tua sombra.

 Estes poemas são teus

 porque são teus. Porque minhas mãos teleguiaste,

corpo e alma psicografados,

aqui e na distância.

 Estes poemas são teus  

porque sugerem primavera

quando não é primavera,

 porque vieste verão abrasador.

 São teus estes poemas porque

 vários outonos alegraste,

são teus estes poemas,

somente teus…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s