REALITY

José Araujo de Souza

Born of broken love,
little by little this longing came to me.
He made his home in my chest,
settled in my reality
and don’t leave me alone, just a moment.

So that I can recompose my singing
and return to the starting point,
it will be necessary to bury, in tears,
the sad image of a farewell
and relive the most distant dream.

So that I can expel the pain
that this longing causes, in my world,
you will have to forget love
that lives in my heart, deep.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s