ÊXTASE

ÊXTASE

José Araujo de Souza

Carinhosamente,
as minhas mãos percorreram
os caminhos secretos do teu corpo
em carícias infinitas e se aqueceram
com o calor da tua pele.
O meu coração,
descompassado e aflito,
se agitou exatamente no compasso
do teu coração, apertado em meu peito,
e explodiu na emoção incontida
do nosso amor.
Loucamente,
os meus lábios se apossaram
dos teus lábios e, sedentos, sorveram
os carinhos, o sabor e a ternura
que queriam ter,
loucamente.
Com todo o amor
que tenho guardado em mim,
para te dar, quando tu quiseres
e pedires, eu te amarei
na minha noite
e nos meus sonhos,
até que o amor do meu corpo,
desejoso do teu corpo,
fique quieto e calmo
no meu leito.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s